3 coisas que as emoções desagradáveis podem estar dizendo para você

Shares

emoções emoções - 61 - 3 coisas que as emoções desagradáveis podem estar dizendo para você

As emoções desagradáveis como a raiva, a irritação, a dor, entre outras, são muito importantes para prestarmos atenção nos significados ocultos que existem por trás delas. Estas emoções são como luzes vermelhas piscando para nos alertar que algo abaixo da superfície não algo não vai bem. Então o primeiro passo é reconhecer o propósito da emoção e entender o que realmente está acontecendo.





Só podemos procurar o que precisamos quando tomamos consciência das nossas necessidades, senão estamos perdidos. Considere o seguinte: Os nossos olhos não estão observando a nossa realidade, mas projetando-a; Assim, os pensamentos e sentimentos que estamos tendo no interior se manifestam do lado de fora. Em outras palavras, a realidade exterior está alinhada com a realidade interior; por isso, se você estiver infeliz, suas circunstâncias de vida irão refletir isso. Portanto, se você permitir que o seu exterior  dite o seu interior, então você vai ser sempre uma vítima das circunstâncias.


Quando você tem uma emoção desagradável, é preciso dirigir a sua atenção para o que você está projetando para sua realidade. Esta é uma oportunidade de ouro para que você possa dissolver anexos negativos de uma vez por todas e pôr fim a ciclos de hábitos, padrões e rotinas que não estão fazendo bem para você.
1. Não ser bom o suficiente
Quando alguém fere seus sentimentos, ela faz você se sentir mal sobre si mesmo … são sentimentos de inadequação. Inseguranças que nos fazem duvidar de nossas capacidades e crenças em nós mesmos.
O que esta consciência se destina a ensinar é que você precisa se aceitar como é, seja gentil e acredite em você. Você já tem tudo o que precisa para ser a pessoa que você deseja ser. Em algum ponto ao longo do caminho alguém fez você se sentir inferior, e você ainda carrega essa dor com você.
2. Não ser amado
Em certos momentos em que precisamos que outra pessoa faça algo por nós, talvez um cônjuge, um filho, um colega de trabalho, você fica dependendo da pessoa. E se elas não fazem o que é preciso para nos ajudar, ficamos magoados … certo? Mas qual crença profundamente arraigada sobre nós mesmos esses “professores” estão realmente cutucando? Em sua mente, eles estão dizendo: “Eu não me importo com você”. Você acha que a pessoa se importava com você, então ela não poderia te decepcionar; isto é o que está causando a dor.
Assim, as perguntas que você deve estar se perguntando é: “Eu sinto que mereço ser amado?” “Eu me amo?” “Eu me sinto mal-amado?”. Reconheça que a realidade que está sendo mostrada a você reflete um problema muito mais profundo do que aquilo que aparece na superfície. Os detalhes da situação e as pessoas envolvidas podem variar, mas a principal razão para o sofrimento é a mesma.
3. Não ser livre
Você acha que as pessoas tomam muito o seu tempo e atenção, o que faz com que você se sinta frustrado e irritado? Quando nos sentimos como se não estivéssemos sendo autorizados a fazer as coisas que queremos fazer ou ser o que queremos ser, é porque não estamos numa relação saudável. Os seres humanos têm livre-arbítrio e quando a nossa liberdade está sendo sufocada e oprimida, sentimos impedidos de progredir.


Aqui está a lição: só você pode se libertar. Saiba que a sua viagem não é a mesma viagem de outra pessoa, não importa o quanto ela seja próxima de você. Você foi feito para ir além das velhas construções que o limitam. Você vai descobrir que quando se liberar das crenças limitantes que o impedem de sair do lugar, seus pensamentos, sentimentos, possibilidades e relacionamentos irão se transformar. Alguns relacionamentos vão acabar para que outros comecem. O tipo de trabalho que você faz ou como você faz o seu trabalho, pode mudar também.
Quando você entende que a mudança dentro de você muda também o modo como você percebe o mundo, tudo passa a fazer sentido. Nossos pensamentos criam a realidade e não o contrário. Assim, quando a nossa realidade não está da maneira que queremos e traz à tona emoções desagradáveis, qual é a mensagem que está sendo dada para começarmos a construir uma ponte entre o que é e o que pode ser? Tirar um tempo para se conscientizar de suas reações, pensamentos e emoções lhe abrirá um espaço de clareza e equilíbrio, onde você poderá tomar decisões melhores para sua vida.

Fonte: Huffingtonpost traduzido a adaptado por Psiconlinews

About the Author Psiconlinebrasil

Tudo sobre psicologia e comportamento.

follow me on:

Leave a Comment:

3 comments
Add Your Reply