10 passos para lidar com pessoas mal educadas

mal-educadas

Tenho certeza de que em algum momento de sua vida você já teve que lidar com uma pessoa grosseira ou rude, e que você preferiria estar em uma ilha deserta do que ali, dividindo o mesmo espaço com esta pessoa. Infelizmente ainda existem pessoas que não sabem tratar os outros com o devido respeito.

Como lidar com pessoas mal educadas?





Essas situações incômodas fazem parte de nossas vidas e, apesar de tudo, representam ótimas oportunidades para por a inteligência em prática e dar uma boa lição na arrogância alheia. Precisamos lidar com essas situações com maturidade e inteligência, do contrário, estaremos fazendo o mesmo papel da outra pessoa. Então, na próxima vez que você se encontrar com uma pessoa mal educada ou rude, respire fundo e siga estes conselhos:

1. Não leve para o lado pessoal (mesmo que seja)

É normal que fiquemos com raiva quando alguém está sendo rude conosco. Felizmente, temos a oportunidade de decidir como reagir a isso, portanto podemos adotar uma postura mais apropriada frente às ofensas. O mais importante é não se deixar incomodar, não levar para o lado pessoal, eu sei, isso é muito difícil, mas se não fizer isso acabará caindo no joguinho da outra pessoa.

2. Descubra o porquê





Geralmente as pessoas têm duas razões para agir de maneira grosseira, além de ser uma pessoa mal educada, é claro. Na maioria das vezes se trata de um desentendimento, a pessoa pode ter tido um dia ruim ou estava apenas com pressa, de qualquer forma, você não saberá o motivo real da atitude ofensiva a não ser que questione a pessoa. Portanto, mantenha a calma e diga: ”Eu me senti um pouco irritado com a sua postura, existe alguma razão para você ter me tratado daquela forma?”. Você pode se surpreender com a resposta.

3. Lembre-se de que você também já foi mal educado alguma vez na vida

A culpa dessa vez não é sua, no entanto, tenho certeza de que você já reagiu de modo rude, ofensivo ou prejudicial a alguém. E isso não significa que você seja uma má pessoa, às vezes interpretamos o outro de forma errônea ou nos ofendemos por algo feito de forma impulsiva, e isso é extremamente normal. Na próxima vez que alguém for rude com você, faça uso da empatia e lembre-se de que aquela pessoa também é um ser humano e que também comete erros.

4. Seja objetivo e analise o comportamento rude





Alguém foi rude ou descortês com você? O que ele/ela disse? Houve alguma razão para isso? Se você olhar para a situação de forma objetiva, pode ser que não encontre nenhuma razão para aquela atitude. Mas às vezes a situação tem uma outra razão, então seja objetivo para que não aumente o tamanho do problema.

5. Não seja melodramático

Nessas situações, pode ser que você sinta vontade de gritar ou partir para a briga com a pessoa, mas não siga esse instinto. Não discuta, não se rebaixe a esse nível, isso só fará com que a situação piore. Então, mantenha a sua dignidade intacta, assim a situação não ficará fora do seu controle. Às vezes, a prudência e a paciência são as chaves para resolver uma discussão.

6. Permita que a tempestade chegue e passe

Se você perder o controle pode acabar se prejudicando, então, a fim de evitar isso, você pode trocar de assunto, é a melhor maneira de evitar essa situação. Além disso, se for uma pessoa estranha, você não precisa prolongar a situação, já se for um amigo ou um conhecido, eles aprenderão com essa situação e, provavelmente, não reagirão mais dessa forma com você.

7. Considere oferecer ajuda

Pode ser só mais um caso de maus modos, mas geralmente a pessoa que é rude ou indelicada está frustrada com alguma situação. Se você for capaz de ajudá-la a solucionar a frustração ou pelo menos entender que ela está reagindo dessa maneira por uma boa razão, com certeza ela vai mudar sua postura agressiva para uma postura de gratidão, quase que instantaneamente, afinal, nós nunca sabemos o que o outro está passando.

8. Entenda que para algumas pessoas a grosseria é um hábito

Algumas pessoas que são rudes com você, são rudes com todo mundo, essa é a postura delas frente à vida. Quando a grosseria já se tornou um hábito, fica muito difícil evitá-la, mesmo que a pessoa queira evitar isso. A atitude de desprezo nunca deve ser tomada para o lado pessoal, pois é apenas mais um padrão difícil de ser quebrado.

9. Não tente forçar a mudança

Você não pode obrigar alguém a ser educado, a não ser que a pessoa deseje isso. Na verdade, tentar mudar o seu comportamento pode fazer com que ele fique ainda pior. A decisão de mudar é uma decisão puramente pessoal, então por mais bondosas que sejam as suas intenções, não tente mudar ninguém, a mudança tem que vir de dentro.

10. Lute contra a grosseria com bondade

Não permita a grosseria de alguém lhe suba à cabeça. A melhor maneira de reagir contra isso é adquirindo uma postura amigável, isso permitirá que a pessoa se acalme e regule o próprio comportamento.

 

About the Author Psiconlinebrasil

Tudo sobre psicologia e comportamento.

follow me on:

Leave a Comment:

4 comments
Add Your Reply